Como muitos autores profissionais dirão, escritores de primeira viagem muitas vezes estão à procura de um bom conselho – ansiosos por uma dica que pode abrir as portas para uma vida de sucesso na escrita.

Aqui estão 5 dicas especiais: não palavras de encorajamento, necessariamente, mas conselhos práticos que podem ajudar você a se tornar um escritor melhor e bem sucedido.

 

1 – Escreva um centímetro de cada vez
O melhor conselho que eu já vi para qualquer tipo de escrita é do livro de Anne Lamott, o pássaro por pássaro. Ela diz que para escrever um centímetro de cada vez. Eu amo isso! Afinal, é tão fácil de ser oprimido por um grande projeto, mas se eu só tenho que me concentrar em um centímetro, bem, isso eu posso lidar. Eventualmente esses centímetros serão metros, quilômetros e tudo o que for preciso para compor um livro. Isto vale também para a pesquisa, que pode ser esmagadora.
(Editor e autor de livros infantis Maureen Boyd Biro, citado em O ABC da escrita para crianças, por Elizabeth Koehler Pentacoff. Livros driver Quill, 2002)

 

2- Terminar o seu primeiro projeto
O melhor conselho sobre a escrita foi dada a mim pelo meu primeiro editor, Michael Korda, da Editora Simon and Schuster, ao escrever meu primeiro livro. “Termine seu primeiro rascunho e depois a gente conversa”, disse ele. Levei um tempo para perceber o quão bom o conselho foi. Mesmo se você escrever errado escreva até terminar o seu primeiro projeto. Só então, quando você tem um todo imperfeito, você sabe o que terá de corrigir.
(Jornalista americano Dominick Dunne, citado em Conselhos para Escritores, por Jon Winokur. Pantheon, 1999)

 

3 – Supere-se
Em Outubro de 1987. Fui convidado a participar de uma convenção muito importante no mundo da ficção científica. Corri para Bill Gibson.

“Temos que conversar”, disse ele. “Eu descobri o segredo da escrita.” . . .

“Tudo bem”, eu disse. “Qual é o segredo da escrita?”

“Você deve aprender a superar sua repulsa muito natural de ter por  seu próprio trabalho.”

Aquele foi um dos conselhos mais úteis que obtive.
(Escritor de ficção científica Eileen Gunn, “O Segredo da Escrita”. Tachyon, 2004)

 

4- Simplifique
Eu passei a ser de um escritor ruim para um bom escritor após fazer um curso de um dia em “o negócio da escrita.” Eu não conseguia acreditar como era simples. Vou dizer-lhe os truques principais aqui, assim você não tem que perder um dia de aula.

O negócio da escrita é obtido pela clareza e persuasão. A principal técnica é manter as coisas simples. Escrita simples é convincente. Um bom argumento em cinco sentenças irá influenciar as pessoas mais do que um argumento brilhante em uma centena de frases. Não lute contra isso.

Meios simples libertam-se das palavras extras. Não escreva: “Ele estava muito feliz” quando você pode escrever “Ele estava feliz.” Você acha que a palavra “muito”, acrescenta alguma coisa. Isso não acontece. Por isso é importante podar suas sentenças.
(Escritor e cartunista Scott Adams, O Blog Dilbert, 16 de junho de 2007)

 

5 – Escreva!
Meu tio Raphael foi um pintor, e ele costumava dizer: “Se a musa está atrasada para o trabalho, começe sem ela.” Você tem que estar lá. Ou seja, nunca deixe de escrever por um dia sequer, mesmo que seja apenas metade de uma página. Escreva sempre. (Romancista e contista Peter S. Beagle, citado em Novelish: Um blog escrito, Dec. 15, 2008)

 

Finalmente, o melhor conselho de todos é também o mais simples, diz o autor Peter Mayle:“Termine”.